ONG Parceira do PortoWeb

Parcerias do Curicaca em apoio à UC para o sapinho-admirável (10/7/2017)

Há alguns anos o Instituto Curicaca, em parceria com o Laboratório de Herpetologia da Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS) e o grupo O Boticário, vem travando uma batalha para proteger o sapinho-admirável-de-barriga-vermelha. O sapinho é uma espécie endêmica encontrada até então apenas em 700 metros das margens do Rio Forqueta, entre Soledade e Arvorezinha, e é sensível a variações do regime hídrico e ao impacto da ação humana. Por esse motivo, nossos parceiros preocupam-se com sua preservação.

 Nosso objetivo é criar uma Unidade de Conservação visando à preservação da espécie e a minimização dos a prejuízos diretos e ao seu habitat. Atualmente, os impactos vem do turismo desordenado, da contaminação da água e do solo com agrotóxicos e o desmatamento. 


No entanto, a região não é importante apenas pelo sapinho. Muitas outras espécies ameaçadas ocupam as águas, matas e campos nativos da região e não estão protegidas em nenhum outro lugar. Para a criação da UC, é necessário fazer um levantamento das outras espécies potenciais que habitam a região e definir as áreas prioritárias para a sua conservação. Também é preciso conhecer atividades que podem ajudar na conservação, como o ecoturismo, a agricultura ecológica, os sistemas agroflorestais, para que o planejamento seja feito. Nesse projeto, também está sendo realizado um estudo mais aprofundado sobre os hábitos do sapinho, as áreas que ocupa e as ameaças que sofre.

No momento, diversos especialistas do Curicaca, UFRGS e FZB estão preparando as saídas de campo para a Avaliação Ecológica Rápida. Estamos realizando o mapeamento da região a partir da  análise da cobertura do terreno e de características geográficas e fisiográficas. Os biólogos estão levantando os dados existentes sobre as espécies ameaçadas e a região. 


Além disso, os professores de algumas disciplinas da Biologia da UFRGS estão planejando como será a interação dos estudantes nesse processo, que atuarão como aprendizes e coletores de informações a campo. Eles participarão das Avaliações Ecológicas Rápidas a partir de uma adaptação do modelo de BioBlitz – processo em que pessoas sem experiência no assunto realizam a análise biótica de uma região. O objetivo é que os alunos das disciplinas de Herpetologia, Ornitozoologia e Mastozoologia possam ampliar a capacidade de coleta de dados aplicando métodos estudados em aula, subsidiando a avaliação dos especialistas. Ao final desse processo, previsto para terminar em 2018, pretendemos estar mais próximos de ter uma área protegida para o sapinho-admirável.


Região do sapinho-admirável terá Avaliação Ecológica Rápida para orientar ações de conservação
O que está por trás da criação de uma UC dentro da APA do Banhado Grande (06/09/2017)
Projeto de Conservação dos Butiazais em Quaraí apresenta os primeiros resultados (22/08/2017)
Reta final: PUP do Parque Estadual de Itapeva (10/08/17)
Encontrou uma Curicaca machucada?
Aprovação do Plano de Manejo da RPPN Mata do Professor Baptista (01/08/17)
Inforgáfico: Mata Atlântica (17/07/2017)
Reunião para efetivar plano de gestão de espécies invasoras (21/06/2017)
Aula no butiazal muda rotina de alunos e professores (30/3/2017)
Reunião com novos fatos e argumentos causa reflexão na Secretária sobre remoção do gestor (14/3/2017)
Carnaval teve também imediata mobilização contrária à remoção política do gestor do Parque de Itapeva (1/3/2017)
Estudos genéticos ajudarão a proteger a população relictual de cervo-do-pantanal no RS (1/2/2017)
Projeto de Conservação de dunas no Litoral Norte do RS tem sua primeira avaliação. (26/12/2016)
Nota à sociedade sobre a “extinção” da Fundação Zoobotânica do Rio Grande do Sul.
Posse no conselho da Ilha dos Lobos promete nova era para Unidades de Conservação. (06/12/2016)
Curicaca veste novamente a camisa contra a extinção da FZB e retoma mobilizações. (10/11/2016)
Reservem as praias junto ao Parque de Itapeva para aves, lobos-marinhos e pessoas harmonizadas com a natureza! (28/10/2016)
Gestão da fauna silvestre no RS tem comportamento de camaleão (14/10/2016)
São 25 anos de Reserva da Biosfera da Mata Atlântica: 15 deles com forte parceria e atuação do Curicaca (06/10/2016)

Página 1 | 2 | 3 | 4 | 5 | 6 | 7 | 8 | 9 | 10 | ... || Próxima

A+-     A  ?

 
Financiadores

Apoiadores Institucionais




Desenvolvimento PROCEMPA