ONG Parceira do PortoWeb

Estudos genéticos ajudarão a proteger a população relictual de cervo-do-pantanal no RS (1/2/2017)

Pesquisadores do Instituto Curicaca e do Centro de Ecologia da UFRGS intensificaram as busca pelo cervo-do-pantanal em locais da APA do Banhado Grande e do Refúgio da Vida Silvestre Banhado dos Pachecos. Remanescentes de áreas úmidas naturais que foram considerados como de ocorrência potencial para a definição de corredores ecológicos, estão agora recebendo armadilhas para a coleta de pelos permitindo a análise genética da ultima população desses animais existente no Rio Grande do Sul.



Uma preocupação surgida do esforço é que áreas intensamente ocupadas pelo cervo a cerca de três anos deixaram de apresentar vestígios. As causas ainda são hipotéticas, passando por alterações naturais e antrópicas no ambiente, conflitos de caça, perturbações vindas da produção agrícola próxima e fragmentação nos corredores. Por outro lado, pegadas de pelo menos dois indivíduos adultos e um filhote, assim como fezes, foram encontradas em outra área para a qual moradores locais indicavam a possibilidade de ocorrência.

O Programa de Conservação do Cervo-do-Pantanal no Rio Grande do Sul (PROCERVO), articulado pelo Curicaca desde 2010, busca conhecer melhor a população relictual, detalhar suas ameaças e vem implantando ações concretas de conservação. Em 2015 passou a receber apoio da Fundação Grupo Boticário de Proteção à Natureza, que financia os estudos populacionais. A intenção da equipe é conseguir instalar colares de telemetria em alguns indivíduos, para acompanhá-los com detalhe. Isso permitiria confirmar a funcionalidade dos corredores, dominar melhor as interações com ameaças e melhorar muito as estratégias de conservação. Recursos para essa iniciativa estão sendo buscados e se alguém tiver uma ideia, entre em contato.



Reunião com novos fatos e argumentos causa reflexão na Secretária sobre remoção do gestor (14/3/2017)
Carnaval teve também imediata mobilização contrária à remoção política do gestor do Parque de Itapeva (1/3/2017)
Projeto de Conservação de dunas no Litoral Norte do RS tem sua primeira avaliação. (26/12/2016)
Nota à sociedade sobre a “extinção” da Fundação Zoobotânica do Rio Grande do Sul.
Posse no conselho da Ilha dos Lobos promete nova era para Unidades de Conservação. (06/12/2016)
Curicaca veste novamente a camisa contra a extinção da FZB e retoma mobilizações. (10/11/2016)
Reservem as praias junto ao Parque de Itapeva para aves, lobos-marinhos e pessoas harmonizadas com a natureza! (28/10/2016)
Gestão da fauna silvestre no RS tem comportamento de camaleão (14/10/2016)
São 25 anos de Reserva da Biosfera da Mata Atlântica: 15 deles com forte parceria e atuação do Curicaca (06/10/2016)
Licenciamento na marra não passou na APA do Banhado Grande (04/10/2016)
Relatório do Workshop de Mosaicos passa a ser a mais recente orientação para as políticas públicas (14/9/2016)
Biodiversidade em risco: mudanças na gestão de fauna silvestre pela Sema/RS fragiliza a atuação do Estado (6/9/2016)
Abandono do Parque Estadual do Espinilho facilita abigeato em Barra do Quaraí e degradação do Bioma Pampa .
Curicaca e Fundação Grupo O Boticário são parceiras em novo projeto (25/08/2016)
A Tecnologia a serviço da Natureza (16/08/2016)
Curicaca quer evitar a flexibilização da Legislação Ambiental Gaúcha. (07/07/2016)
Oficinas do Plano de Uso Público do Parque de Itapeva - Benefícios sociais à frente dos econômicos e atrás da ótica sustentável (01/07/2016)
Curicaca em campanha pelas espécies marinhas ameaçadas de extinção. (10/06/2016)
Licenciamento Ambiental na mão dos engenheiros de ruínas. (17/05/2016)

Página 1 | 2 | 3 | 4 | 5 | 6 | 7 | 8 | 9 | 10 | ... || Próxima

A+-     A  ?

 
Financiadores

Apoiadores Institucionais




Desenvolvimento PROCEMPA